Acne na idade adulta: como tratar esse problema

Botox ou ácido hialurônico: qual escolher?
Botox ou Ácido Hialurônico?
26 de julho de 2018
Vasinhos faciais
Vasinhos faciais: como tratar as telangiectasias
7 de agosto de 2018
Exibir tudo

Acne na idade adulta: como tratar esse problema

Acne na idade adulta

A acne na idade adulta não é tão falada como na adolescência, quando o problema é bastante conhecido, principalmente durante a puberdade. A acne é um processo inflamatório das glândulas sebáceas e dos folículos pilossebáceos, culminando no surgimento de espinhas e cravos. Entretanto, ela também pode ser comum em adultos, principalmente em mulheres. Além de causar muito incômodo, a acne interfere na aparência, e o comprometimento estético pode atingir, inclusive, o lado psicológico e tornar a pessoa mais insegura, tímida, deprimida, com baixa autoestima e com consequências sérias que podem persistir ao longo da vida.

A acne na fase adulta surge de maneira diferente a do período da juventude; ela aparece gradualmente e de maneira mais leve. Ocorrem com mais frequência na zona U da face, ou seja, queixo inferior, maxilar e pescoço. Suas lesões são mais fechadas, isto é, a espinha branca tem maior incidência que os cravos e ainda podem atingir outras áreas do rosto, colo e costas.

Causas da acne na idade adulta

Segundo dados da Academia Americana de Dermatologia, por volta de 54% das mulheres acima de 25 sofrem com acne. E ela aparece, principalmente, de duas maneiras: A primeira é quando as espinhas mantêm-se além da adolescência. E a segunda é aquela de início tardio, que pode atingir mesmo quem nunca sofreu com o problema no período da adolescência. Começando, geralmente, entre os 21 a 25 anos, podendo se estender até os 50.

Embora seja equivalente à acne da puberdade, a acne na idade adulta é provocada por problemas diferentes. No caso das mulheres, a grande maioria é causada por alterações hormonais, mas fatores como hereditariedade, estresse, excesso de exposição ao sol, obesidade e altos níveis de colesterol podem ser algumas das causas da acne adulta após os 21 anos.

Há, ainda, outros fatores que podem levar a incidência de acne em mulheres, como a síndrome do ovário policístico (SOP), a hiperplasia adrenal e a síndrome metabólica, por exemplo. Por esse motivo é essencial investigar cada caso individualmente, sempre por um profissional habilitado, que oferecerá o melhor tratamento de acordo com o diagnóstico.

Tratamentos para acne na idade adulta

É importante que a acne na idade adulta – e também na adolescência – seja tratada assim que aparecerem os primeiros sinais. O tratamento e controle é fundamental para a preservação da saúde da pele, da saúde psíquica do paciente, além de razões estéticas e sociais. Vale ressaltar que o tratamento das cicatrizes da acne na idade adulta é, em muitos casos, complicado e com resultados nem sempre satisfatórios.

Antes de iniciar o tratamento, é extremamente importante a consulta com um bom dermatologista. Caso a acne se apresente de forma mais leve, o tratamento pode ser apenas local. Nesse caso, o especialista vai determinar qual ou quais os melhores produtos e a sua forma de utilização. No caso de acne mais severa, além do tratamento local, poderá ser recomendado um tratamento via oral, utilizando antibióticos específicos.

Vale lembrar que uma limpeza de pele pode ser um ótimo complemento ao tratamento da acne, assim como peelings e esfoliações químicas, que funcionarão como acréscimo e, consequentemente, trarão maior eficácia aos resultados.

Instituto Villela
Instituto Villela
Dra. Vivian Villela é especialista em Clínica Médica e Dermatologia pela Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo. É titulada Especialista em Dermatologia pela Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD) e pela Associação Médica Brasileira (AMB). Membro titular da SBD.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

acne-na-idade-adulta-como-tratar-esse-problema-instituto-villela