Capilar

Laser fracionado não ablativo

Post Rosa e Bege com Foto de Dia dos Namorados para Instagram.png
O laser fracionado não ablativo 1550nm também pode tratar alopecia androgenética e eflúvio telogeno ( causas de queda de cabelo) O laser provoca microlesões térmicas no couro cabeludo cabeludo que aumentam a penetração de ativos e medicamentos aplicados logo após a sessão, além de aumentar a circulação local, provocar liberação de diversos fatores de crescimento próprios do paciente e induzir a ativação da fase anágena dos fios, fase de crescimento, resultando no aumento da densidade e espessura dos fios. Já a intradermoterapia, permite ao dermatologista injetar substâncias diretamente no couro cabeludo, no local de ação desejado, ativos, nutrientes e medicamentos, estimulando diretamente o crescimento dos fios.